Escolas municipais de Novo Hamburgo retomam atividades presenciais no dia 10 de maio

A Rede Municipal de Ensino de Novo Hamburgo já tem data para o retorno das atividades presenciais. A partir do dia 10 de maio, estudantes poderão frequentar, presencialmente, as 89 escolas municipais. O retorno acontecerá de forma escalonada respeitando as orientações sanitárias de combate ao coronavírus adequadas para a estrutura física de cada escola. Nos próximos dias, as equipes diretivas entrarão em contato com as famílias para consulta sobre adesão ao ensino híbrido e assinatura do termo de responsabilidade. “O retorno será importante, especialmente, para o processo de aprendizagem dos nossos estudantes. Entendemos a complexidade na retomada das atividades presenciais e, por isso, estamos trabalhando intensamente no planejamento das ações que serão colocadas em prática para que o retorno de professores e estudantes aconteça de forma responsável e segura”, explica a secretária de Educação, Maristela Guasselli.

Previsto como alternativa no calendário escolar, o ensino híbrido será adotado no retorno das atividades presenciais em todas as etapas de Educação Infantil e Ensino Fundamental, incluindo a modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Neste modelo são combinadas ações na escola e de forma remota. Os estudantes são organizados em grupos e participam das atividades presenciais a partir de revezamento, enquanto outros colegas devem realizar os estudos em casa. Com o escalonamento, todos têm a oportunidade de frequentar a escola. Conforme resolução do Conselho Nacional de Educação, cabe à família a decisão sobre a participação das crianças nas atividades presenciais ou apenas remotas.

Protocolos sanitários

Detalhes sobre como os procedimentos de saúde serão adotados em cada escola foram definidos no Plano de Contingência. O documento foi aprovado pelo Centro de Operações de Emergência Municipal Covid-19 (COEM COVID-19) e descreve os protocolos sanitários e cuidados que serão seguidos no ambiente escolar. Além do plano, cada escola possui seu Centro de Operações de Emergência Local, grupo formado por pessoas de diferentes segmentos e responsável por acompanhar o cumprimento das medidas apresentadas no documento. A partir de parceria entre as secretarias de Educação e de Saúde, os professores e funcionários que atuam na Rede Municipal de Ensino poderão realizar testes para covid-19 nas unidades básicas de saúde localizadas próximas das escolas municipais.

A SMED também providenciou uma série de Equipamentos de Proteção Individual (EPEIs) e materiais para reforçar os cuidados de higienização e proteção de crianças e profissionais nas escolas. Os materiais são:

– Máscaras de tecido adulto e infantil
– Dispensadores de álcool em gel
– Álcool 70% líquido
– Álcool 70% em gel
– Desinfetante
– Sabonete líquido
– Termômetro para aferição de temperatura
– Tapete sanitizante
– Viseiras
– Propé (EMEIs)
– Totem com pedal
– Papel toalha
– Equipamento de oxi-sanitização e purificação de ambientes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: