Após 53 dias internada na UTI, paciente de Covid-19 ganha alta no Hospital Municipal de Novo Hamburgo

Depois de 58 dias de internação, dos quais 53 dias na UTI do Hospital Municipal de Novo Hamburgo, dona Leni Guterres de Carvalho, 65 anos, ganhou alta no final da manhã desta segunda-feira, dia18, sob aplausos da equipe médica. Seu marido, Alvari Aloísio Kayser, 62, segue na UTI, mas seu quadro é bom e a expectativa é de alta para os próximos dias. Aliás, a história do casal é recheada de emoção: na segunda quinzena de março, dona Leni ficou doente de Covid-19 e foi internada na UTI. Alguns dias depois, o marido baixou na UTI, mas a esposa não sabia e ambos ficaram em leitos lado a lado na UTI sem que ela soubesse. Dona Leni só soube da internação do marido na semana passada, em um emocionante reencontro dentro da própria unidade, registrado pela equipe médica.

Nesta segunda-feira, a equipe médica também registrou o “até breve” de dona Leni e seu Alvari, junto a seu leito. “São histórias como esta que nos inspiram a lutar cada vez mais, a lembrar que a vida é fundamental neste momento e que nossos esforços precisam levar isso em conta”, destaca a prefeita Fátima Daudt, lembrando todas as medidas que Novo Hamburgo vem tomando no combate e na prevenção ao coronavírus.

“Foi uma internação bastante desafiadora para a equipe do Hospital Municipal. Destes 58 dias de internação de dona Leni, foram quase 30 dias de ventilação mecânica, dependente de aparelhos de respiração”, destaca a médica intensivista Bárbara Fior. Ela frisa ainda todo o trabalho de reabilitação realizado com a paciente, que envolve questões como alimentação e locomoção, e que segue em sua fase pós-alta.

“É um atendimento multiprofissional dedicado a pacientes, como dona Leni”, acrescentou, ressaltando que o mesmo está ocorrendo com o marido. “Nós ficamos muito felizes e satisfeitos com a alta da dona Leni, principalmente por que ela está no principal grupo de risco. Sua plena recuperação nos motiva e nos traz esperança de que juntos vamos vencer”, acrescentou o secretário municipal de Saúde, Naasom Luciano.

O presidente da Fundação de Saúde de Novo Hamburgo, Ráfaga Fontoura, salienta que o Hospital Municipal conta atualmente com oito casos de Covid internados, sendo apenas seu Alvari na UTI. “Os demais pacientes são de internação clínica, com boa evolução”, destaca. 

Ráfaga lembra que dona Leni é a terceira paciente de Covid-19 a ganhar alta de UTI no Hospital Municipal. Antes, houve alta de um bebê no dia 9 de abril; e de dona Maria Ramos, 59, no dia 28 de abril. “O atendimento em Novo Hamburgo está muito bem. As equipes estão muito bem preparadas, com os EPIs necessários. Não é possível dizer que a situação na cidade está controlada, mas sabemos o modo como estamos e temos uma boa ideia do que está para vir”, enfatiza. 

fonte;PMNH

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: